Cuidados com a obra no período de chuvas

Obra e chuva são fatores que não combinam nem um pouco e, por isso, devem ser evitados durante o mesmo período. No entanto, sabemos que existem situações em que não é possível esperar uma época melhor para seguir com a obra, como é o caso de construções que duram mais de 6 meses ou reformas emergenciais.

 

Nesses casos, é sempre bom estar preparado para prevenir (ou enfrentar) os problemas que podem aparecer durante a reforma.

11.png

Tenha um bom planejamento

No período de chuvas, é fundamental planejar a obra de acordo com as condições.

 

O ideal é que a fase de fundação seja concluída o mais rápido possível e com todo o cuidado. Isso porque a segurança dos trabalhadores pode ser colocada em risco, além da possibilidade de danificar equipamentos importantes, caso estejam sendo utilizados. Para ajudar nessa etapa, pode-se usar uma cobertura plástica sobre a área de escavação das fundações.

 

Se possível, também é interessante acelerar o processo de estrutura da construção, incluindo o telhado definitivo; esse cuidado vai permitir que os trabalhos seguintes sejam feitos em local seco.

11.png
22.png

Armazene os materiais em local seguro

Certificar-se de que todos os materiais e equipamentos estão armazenados de maneira adequada e em local seguro é extremamente importante para evitar perdas e gastos extras.

 

Por isso, escolha um local seguro e seco para estocar tijolos, cimentos, areias, britas, ferramentas elétricas e demais insumos.

Evite acidentes de trabalho

Com as chuvas, a visibilidade no canteiro de obras fica consideravelmente comprometida, além do risco de formar poças e deixar as superfícies escorregadias para o trabalho. Dessa forma, é fundamental reforçar a sinalização nos pontos de risco, principalmente em áreas de escavação e dos abrigos de geradores de energia.

 

Também é importante garantir que todos estejam usando equipamentos de proteção individual durante todos os momentos.

 

Todos esses cuidados devem reduzir significativamente as chances de um colaborador sofrer com eventuais quedas, bem como ser vítima de descargas elétricas.

 

Repense a logística

Mesmo tomando todos os cuidados, algumas vezes as chuvas fortes podem exigir que o serviço seja completamente paralisado. E com a obra parada, a demanda de suprimentos e a logística geral são diretamente afetadas. Ou seja, é preciso ter contato principalmente com os fornecedores, já que não faz sentido entregar o material se ele não será utilizado no momento.